terça-feira, fevereiro 02, 2016

Para conhecimento de todos...


Bom vou começar este relato contando um pouco da minha história. Atuo no Futsal já há 11 anos ,com passagens pelo Águias de Nova Gerty e AFPMSBC. Em 2010 comecei a atuar como Coordenador e Treinador das Categorias Menores do São Caetano Futsal; começamos a participar dos Campeonatos da FPFS pela série A2 e depois de 02 anos , conseguimos conquistar nossa vaga na Série A1 dos Campeonatos da Federação Paulista de Futsal.
Durante esse período tanto eu como minha comissão técnica levamos o nome do São Caetano Futsal  aos mais altos índices gerais , ficando muitas vezes atrás apenas das grandes equipes de São Paulo; inclusive conquistando muitos títulos (06 Títulos de Campeão e 04 Vice-Campeão), sem contar resultados obtidos fora dos Campeonatos da Federação, inclusive Títulos fora do estado de São Paulo.
Para quem não sabe, o São Caetano Futsal não me pertence, e após muita insistência com Responsável pelo clube para conversarmos sobre como seria o andamento de dias de treinos, entre outros assuntos de 2016... reunião esta realizada na semana que voltaríamos aos nossos treinos, o mesmo me informou que não teria interesse em que eu e minha comissão técnica continuássemos utilizando o nome do São Caetano Futsal. Apesar de não concordar com a maneira como tudo ocorreu, é um direito que lhe é assistido afinal ele é o detentor da marca. .
Imaginem a minha situação? Quantas perguntas? O que fazer? O que falar para os pais? Estamos falando não de 01 criança envolvida, o que na minha concepção já é muito , pois lidamos com sonhos... mas estávamos falando de mais ou menos 140 crianças, com muitos sonhos e expectativas ...  E eu passando por uma série de problemas pessoais, pois em julho/2015 em decorrência de uma arritmia tive um AVCI, o qual graças a Deus não fiquei com sequela física e nem neurológica, mas o que me colocou como um candidato a colocação de Marcapasso, procedimento cirúrgico que foi feito 25/01/2016, e no presente momento ainda nem tirei os pontos... Imaginem a minha cabeça.
Mas o meu amor pelo que faço supera qualquer obstáculo.
Não sei se essa decisão do Responsável pelo São Caetano Futsal foi tomada só agora, ou se foi algo resolvido há algum tempo e só resolveram me comunicar agora em Janeiro. O fato é que naquele momento tanto eu, como minha comissão técnica, e os meus atletas não tínhamos como continuar participando dos Campeonatos da Federação Paulista de Futebol de Salão.
 Minha primeira atitude.
 Preciso comunicar minha comissão técnica do ocorrido.
Bem nos reunimos, coloquei a situação para eles. Levantei a hipótese  de criarmos um novo clube, onde iríamos e disputar o primeiro semestre o Metropolitano na série A2/FPFS, e no segundo semestre disputaríamos o Estadual série A1/FPFS.
A resposta foi: Robson estamos juntos com você, vamos criar o novo clube,  se tivermos que ir para série A2 nós vamos, o que importa é que agora teremos a possibilidade de ter o nosso próprio time.
Esta resposta foi dada de maneira unânime por: Ronaldo Guimarães, Clayton Maciel, Fabiano Lopes, Leandro Braz(Bernardo) e o nosso novo integrante Celso Boffa.
Sai dali contatei um contador e demos entrada na documentação para constituir o novo clube.
E agora, tínhamos que conversar com os pais sobre esta questão. Para algumas categorias como Sub08/09 não muda nada apenas mudaremos o nome do clube, e vamos continuar disputando a Série A1; as mudanças ocorreriam das categorias do sub10 ao sub17.
Reunimos os pais, expus toda a situação a todos...  é de conhecimentos de todos que nas nossas categorias temos garotos em condições de escolher aonde querem jogar.
 E a resposta de mais de 90% dos pais e atletas:  Robson confiamos em você, estamos aqui não pelo nome São Caetano Futsal, e sim pela pessoa Robson Santos, aonde você for estamos juntos. A mesma resposta os outros treinadores obtiveram de seus atletas
Com isso tenho certeza que Deus está me mostrando que sempre estive no caminho certo, pensando não só nos resultados que com certeza é importante, pois só temos visibilidade através da conquistas, mas também pensando no bem estar dos nossos atletas...
Deus vem me abençoando de maneira grandiosa. Os obstáculos na vida da gente acontecem e muitas vezes não entendemos os propósitos de Deus, mas com certeza será para um bem maior.
Quero agradecer primeiramente a minha família (esposa Katia e meu filho Guilherme) que vem me apoiando ao longo destes anos, tanto nos momentos mais felizes ,como nos momentos mais difíceis... sempre estamos juntos. Agradecer a nossa comissão técnica, que hoje integram a Diretoria do novo clube, à Prefeitura de São Caetano do Sul , e a SEEST (Secretaria de Esporte e Turismo) de São Caetano do Sul na pessoa do Secretário de Esporte Severo Neto , ao meu parceiro de anos na pessoa do Edson Palomares (Inter Telecom) e a (CDAF) sem a colaboração de vocês nossa vida seria muito mais difícil, e aos nossos novos parceiros (Ripper Advogados) e (ITM Telefones Profissionais).
E quero fazer um agradecimento muito, mas muito especial ao nosso maior patrimônio que são pais e atletas, não só os que estão conosco atualmente, mas a todos que passaram por aqui ao longo destes anos,  sem a participação e o apoio de vocês nada disso seria possível.
Ah, e agora vida nova, novos horizontes iram se abrir e nos veremos nas quadras , mas agora como :

“SÃO CAETANO FUTEBOL CLUBE”


Robson Santos
Presidente São Caetano Futebol Clube